Preservação de aves marinhas e costeiras

/Preservação de aves marinhas e costeiras

Preservação de aves marinhas e costeiras

Organizações Não Governamentais ensinam crianças da escola básica de Praia de Água-Izé, no centro/sul da ilha da São Tomé, técnicas de protecção das aves marinhas e costeiras.

Em um estudo realizado por estas organizações, foram identificadas na ilha de S. Tomé cerca de 26 espécies endémicas de aves marinhas e costeiras. Destas aves, destacam-se o “truqui” (Speirops Leucophaeus) e o “conóbia” (pica-peixe, Alcedo Cristata Thomeusis). Esta última, segundo a tradição santomense, quando canta anuncia as chuvas.

A caça tem sido a principal ameaça à sobrevivência das aves endémicas de São Tomé e Príncipe. Espécies que segundo as autoridades são mais de três dezenas em todo o arquipélago.

通過 | 2018-08-09T20:06:07+00:00 2017-08-15|類別: 社會||0 条评论

關於作者:

Héralce Herculano

评一波